Elas são mesmo belezas! Belezas que nem todos sabem olhar. Tanta máquina passou por elas e nehuma parou para as observar. Só a minha! Achei que aqueles "macambúsios" não se aperceberam que as belezas estão cá fora e que nas belezas artificiais do museu e da Cueva, não nos deixam tirar fotos. Só entrei porque achei que com os meus euros devia ajudá-los a conservar as belezas deixadas pelos nossos antepassados

**********************************



Estou sempre bem entre as flores, onde quer que nos encontremos. Mas, sempre, sob os auspícios do meu amigo Apolo

publicado por Ventor às 22:11